Postado em 04/08/2017

A cólica menstrual afeta muitas mulheres, todos os meses, e é uma das principais causas de ausência no trabalho ou na escola, principalmente entre as mais jovens. Estima-se que 90% das mulheres jovens tenham dores severas durante a menstruação.

A boa notícia é que os exercícios físicos podem ser grandes aliados no alívio das cólicas por promoverem a liberação de beta-endorfina, uma substância que age como uma “morfina humana” e alivia a dor, além de ajudar a queimar as prostaglandinas que causam as contrações musculares durante a menstruação.

Os melhores exercícios físicos para amenizar as cólicas menstruais são os aeróbicos, que aumentam as frequências cardíaca e respiratória, como as caminhadas rápidas, o ciclismo e a natação, por exemplo. O ideal é praticá-los pelo menos três vezes por semana, 30 minutos por vez. Ao caminhar rápido, você deve ser capaz de conversar com alguém que esteja com você, mas não sem algum esforço. Vale também levar o cachorro para passear. Quanto mais frequentes os exercícios, melhores os resultados.

CORP-1224201-0000 PRODUZIDO EM JULHO/2017 VÁLIDO POR 2 ANOS

Você Sabia?

Exercícios curtos trazem efeitos benéficos

A atividade física tem efeitos benéficos na sua saúde física e mental, promovendo o seu bem-estar e aumentando a sua qualidade de vida.

Bastam 30 minutos de exercício, 5 dias por semana, para sentir os efeitos não só no corpo, mas também na mente. A prática de exercício aumenta sua qualidade de vida e a sensação de bem-estar, melhora a atividade cardiovascular e respiratória, ao mesmo tempo que tonifica o seu corpo.

Bastam 30 minutos de exercício, 5 dias por semana.

Contribui ainda para a perda de peso, e ajuda a melhorar sua autoestima.

Não importa o tipo de exercício que você escolha fazer. Sozinho ou acompanhado, o importante mesmo é não ficar parado.

Já conhece os nossos livros de receitas?

Clique e veja aqui
É possível comer bem e de forma saudável! Baixe nossos LIVROS DE RECEITAS e descubra pratos deliciosos que irão favorecer a sua saúde.