Caminhada: benefícios para o corpo e a mente

Postado em 25/09/2018

Caminhada: benefícios para o corpo e a mente

A caminhada é um exercício barato, que exige poucas habilidades e pode ser praticado a qualquer hora do dia e em diversos locais, inclusive dentro de casa, se você tiver uma esteira. Caminhar pode ser uma excelente alternativa para deixar o sedentarismo, um dos quatro fatores que podem causar doenças degenerativas, câncer e problemas cardiovasculares.

Caminhar por apenas 30 minutos pode queimar até 150 calorias. Os exercícios elevam a temperatura corporal e aceleram o metabolismo e o fluxo sanguíneo, expandindo os vasos sanguíneos e diminuindo a pressão arterial. A caminhada também acelera o batimento cardíaco; com isso, as válvulas do coração trabalham mais e enviam uma quantidade de sangue maior aos pulmões, melhorando a oxigenação.

Além de benefícios para o corpo, a caminhada oferece diversos benefícios para a mente, como o aumento da sensação de bem-estar. Isso porque o exercício físico estimula a produção de endorfina pela hipófise, um hormônio responsável pela sensação de alegria e relaxamento, e estimula o cérebro, aumentando a coordenação motora e melhorando de forma gradativa a resposta do organismo a novos estímulos. Esses novos estímulos podem prevenir ainda a redução no volume cerebral e diversos tipos de demências relacionados ao envelhecimento cerebral, inclusive o Alzheimer, que mata lentamente as células cerebrais.

Uma vantagem da caminhada é que se trata de um exercício sem limite de idade, por isso é uma boa alternativa também para os idosos.

Os benefícios da caminhada se estendem também às pessoas que sofrem de insônia. Durante esse exercício, substâncias estimulantes, como a adrenalina e a serotonina, alcançam picos no organismo. Isso pode manter o corpo disposto por horas após a atividade e evitar a sensação de sonolência durante o dia. O esforço feito durante a caminhada prepara o corpo para relaxar e entrar em estado de repouso mais rápido na hora de dormir.

A caminhada pode ser uma excelente aliada também para as pessoas com diabetes, pois o aumento no fluxo sanguíneo para os órgãos gerado durante a atividade estimula a produção de insulina pelo pâncreas. Além disso, o exercício físico é capaz de diminuir a resistência do corpo à insulina, um dos fatores que contribui para o desenvolvimento do diabetes.

Quando decidir iniciar uma atividade física, como a caminhada, orienta-se buscar maiores informações com profissionais da saúde. Isso fará com que os benefícios sejam maiores do que os possíveis riscos de sofrer lesões.

 

 

CORP-1267436-0000 PRODUZIDO EM AGOSTO/2018 VÁLIDO POR 2 ANOS

Chat