5 formas de diminuir a vontade de comer “porcarias”

. É possível reprogramar o seu apetite para que você deseje alimentos nutritivos e benéficos para a sua saúde

Quando bate aquela fome antes do almoço ou no meio da tarde, o que você tem vontade de comer? Se só pensou em coisas nada saudáveis, as dicas abaixo são para você. É possível reprogramar o seu apetite para que você deseje alimentos nutritivos e benéficos para a sua saúde:

  • Faça exercícios. Praticar atividades físicas pode ajudá-lo a não comer mais do que deve. Um estudo, realizado no Reino Unido, observou que as mulheres que correram na esteira por 90 minutos apresentaram níveis sanguíneos baixos do hormônio associado ao apetite, e níveis mais altos do associado à saciedade. Ao se alimentarem, essas mesmas participantes consumiram, em média, um terço a menos de alimentos do que as mulheres que estavam de dieta e que não se exercitaram.
  • Busque a saciedade:
    • Tomar um café da manhã rico em proteínas (com ovos, por exemplo) pode diminuir o desejo por alimentos ricos em açúcar e gorduras durante o dia;
    • Beber dois copos de água antes da refeição pode diminuir o apetite e poupar de 75 a 90 calorias;
    • Consumir grãos integrais como a cevada, por exemplo, reduz as quantidades de açúcar e, consequentemente, de insulina no sangue, o que ajuda a aumentar os níveis dos hormônios que regulam o apetite;
    • Adicionar um pouco de pimenta vermelha a sua refeição pode ajudar a diminuir o desejo por alimentos gordurosos, salgados ou doces.
  • Evite os alimentos que intensificam o desejo pelas comidas gordurosas e os doces, como:
    • Bebidas diets. Por serem muito doces, elas induzem o corpo a esperar por uma grande quantidade de energia, a qual não é oferecida pelos adoçantes. O corpo então tenta compensar essa expectativa frustrada, fazendo com que você tenha mais fome;
    • Petiscos industrializados. Muitos alimentos processados, como biscoitos, bolos e salgadinhos, têm xarope de milho rico em frutose em sua composição, o qual, além de ser pobre em nutrientes, pode aumentar o apetite, já que é um açúcar de rápida absorção;
    • Biscoitos de arroz que contenham alto índice de açúcar. Esse tipo de alimento pode causar um pico rápido seguido por uma queda repentina nos níveis de açúcar no sangue, o que pode aumentar ainda mais a fome depois de um tempo.
  • Cuide da sua flora intestinal. As bactérias benéficas que povoam o seu intestino podem alterar tanto o seu apetite quanto o seu metabolismo. Para manter o seu intestino funcionando bem e um número suficiente dessas bactérias, consuma alimentos ricos em fibras e nutrientes, como frutas, verduras e legumes, e também probióticos. Geralmente os probióticos são alimentos fermentados como iogurtes, coalhadas, leite fermentado contendo lactobacilos vivos, chucrute, missô (pasta fermentada de soja, arroz ou cevada, comum na culinária japonesa) etc.
  • Durma o suficiente. Dormir pouco ou mal pode aumentar o seu apetite no dia seguinte, fazendo com que você tenha mais vontade de comer tudo o que vir pela frente. Por isso, para melhorar a sua alimentação, tente regular a sua rotina para dormir por pelo menos sete a oito horas por dia.

 

CORP-1162377-0019 PRODUZIDO EM FEVEREIRO/2017 VÁLIDO POR 2 ANOS

Chat